Arrow
Arrow
Slider

Sobre

 

Celso Campos Amaral Netto, mais conhecido como Gatuno, nasceu no bairro da Aclimação e aos 14 anos se mudou para o bairro tradicional de arte urbana, o Cambuci, onde despertou seu interesse por graffiti. Autodidata, iniciou neste ramo em 2010 desenvolvendo primeiro o seu estilo abstrato, no qual o ponto de partida foram os rostos de felinos repletos de cores, texturas, e expressões misteriosas. Cada trabalho abstrato é único e improvisado, o artista sente o momento para criar as obras desta linha.

Depois de completar um ano graffitando e se dando conta de que este realmente era o ramo que ele queria seguir, teve de procurar um trabalho para custear os materiais que eram gastos pintando. Logo, começou a trabalhar na fábrica de pallets de seu pai, que era situada dentro de uma penitenciária, e lá se familiarizou com as máquinas para cortes de troncos entre outras técnicas de manipulação da madeira. O cotidiano neste ambiente foi essencial para o desenvolvimento da arte de Gatuno, pois como o trabalho era integral ele acabou por ter pouquíssimo tempo para graffitar nas ruas e sentindo a necessidade de se expressar de alguma forma, começou a reutilizar os restos de madeiras para criar suas primeiras esculturas. Estas, completamente sustentáveis, trazem rostos de animais selvagens retratados como “guardiões” de forma rústica e marcante.

Também foi nesta época que surgiu o nome “gatuno”. Gatuno simboliza o animal gato, que foi o que mais o inspirou no começo de sua trajetória no mundo do graffiti pois eles representam para ele uma lembrança de família, por ter crescido com muitos ao seu redor. Mas, Gatuno não sabia do significado literal deste nome, que é “aquele que furta ; ladrão”, e, depois de conhecer a real origem desta palavra, achou legal pois acidentalmente remete também a época em que trabalhou no ambiente da penitenciária.

Gatuno está sempre pelas ruas graffitando e descobrindo novas inspirações além dos felinos. Ele se permite estar em uma constante busca por suportes, elementos e personagens capazes de traduzir sua história, seus sentimentos e sua visão do mundo. Sua arte é repleta de personalidade, originalidade e muito inspirada na cultura urbana. O artista tem se aventurado nos personagens humanos, explorando paisagens utópicas, e mantendo sempre seus inconfundíveis olhares amarelos misteriosos nas suas obras.